Veja também

Biografia

Julião Ayrton Ribas Goulart nasceu no município de General Câmara, RS, em 06 de setembro de 1949 e ocupa a Cadeira nº 14 da Academia de Letras de Palhoça, cuja Patrona é Eugênica de Oliveira Nunes Pires - Professora Tia Geninha, como carinhosamente ficou conhecida em vida.

Julião morou temporariamente em Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bagé e em Porto Alegre, onde estudou Eletrônica na PUCRS e de Comunicador Mídias - Radialista na Fundação Padre Landell de Moura. Trabalhou na área das telecomunicações e por duas vezes foi vencedor do  Prêmio Talento Brasileiro de Inventores promovido pelos SENAI. Registrou quatro patentes de Invenção no Instituto Nacional de Propriedade Industrial - INPI. Preocupado com o uso do mercúrio nos garimpos, poluindo as águas, idealizou com um amigo, projeto que dispensa o uso de mercúrio nos garimpos, Separador hidro-gravitacional de grãos de ouro misturados no solo, Patente de Invenção INPI número PI8805987-1

Ao se aposentar como empresário em telecomunicações, decidiu morar na Ilha, seu antigo sonho de criança que cresceu dizendo:

"Quando eu crescer, vou casar com uma professora, ter um filho, escrever um livro e morar numa ilha, além de plantar muitas árvores."

Atualmente reside em Florianópolis, antiga  Ilha dos Patos, depois Ilha do Desterro e finalmente Florianópolis,  onde estudou Teologia Sistemática no Instituto de Teologia de Santa Catarina - ITESC, em convênio com o Centro Loyola “Amar e Servir”.

Casou com uma professora, é pai de 3 filhos, já escreveu vários contos e livros, sendo cinco publicados e com edições esgotadas.  O primeiro livro foi "Aprendendo com os animais" EST Edições - Porto Alegre, 3ª edição esgotada.

É radialista, apresentador do programa "A hora da História", pela Rádio Cultura AM 1110 KHz,  atuando em Florianópolis.
É Contador de Histórias formado pelo Núcleo de Estudos da Terceira Idade – NETI, da UFSC.
Palestrante e Contador de Histórias em Feiras, Empresas, livrarias e Fundações.

Alguns cursos que realizou:

Capacitação em Dependência Química, PROEX - Faculdade de Psicologia PUCRS.

O Grupo – Um instrumento de Transformação - Faculdade de Psicologia PUCRS.

Contador de Histórias UFSC/NETI.

Teologia Sistemática no ITESC em Florianópolis, SC.

Curso de Iluminador para Teatro na UDESC.

Coordenador de Voluntários – ONG Parceiros Voluntários de Porto Alegre, RS.

Curso do Aprofundamento do Amor-Exigente Regional Vale dos Sinos, realizado no Instituto Concórdia, em São Leopoldo, RS.
Foi um dos fundadores da ONG Associação Porto-alegrense de Amor Exigente. APAEX, onde foi Diretor Técnico na Gestão 2002- 2003.

Coordenador Voluntário de grupos de prevenção e recuperação de jovens quanto ao uso de drogas.


Participações em Seminários e Simpósios de Teologia da PUCRS
Palestras e debates sobre a doença Dependência Química.
Encontros do Conselho Estadual sobre Entorpecentes em SC e RS.
Participação efetiva em trabalhos voluntários na periferia de Florianópolis, contando histórias e ministrando aulas de Cidadania e Informática, em convênio com o CDI - SC.
Cursou as disciplinas  de "História da Música" na UDESC  2010 e 2011 e História Medieval do Curso de História.
Escritor de livros e roteiros  de dramaturgia para o teatro, roteiros para cinema  e pequenas dinâmicas de grupo.

Livros publicados:

"Aprendendo com os Animais" (2004) - EST Edições -  Porto Alegre

"Maria Cegonha Ah! Se Eu Fosse Você..." (2006) EST Edições Porto Alegre.

"Pedro e a galinha Maricota" - Editora Julião Goulart - Literatura Infantil – Florianópolis.

"Otimização da Memória com Dominó" (2007). Coautor -UFSC/NETI


"Contador de História"  (2008). Editora Julião Goulart.


- Coautor do Manual do Contador de Histórias.


- Coautor do curta infantil O Besouro e O Beija-Flor.

Teatro e Cinema


- Roteirista e diretor da peça teatral "Contador de Histórias e a Árvore dos Sapatos" apresentada em Florianópolis em várias temporadas.

Diretor e Roteirista no curta-metragem "Viajante ou Peregrino"

Roteiro e Direção do curta experimental "Maria Rosa", rodado em Governador Celso Ramos.

Diretor do curta "O Presente Inusitado", baseado no conto do escritor Paulo Berri.

Coautor roteirista da adaptação para o cinema do romance "Armadilhas do Destino", da escritora Therezinha Cacilda.

Coautor do roteiro adaptado do livro para o cinema, longa-metragem "De mendigo a milionário" de Paulo Roberto.

Ator na peça teatral "As Luas de Galileu" e Hamlet teatro da UFSC.

Ator e Diretor na dramaturgia  "O poeta e o menino".

Composições musicais de autoria de Julião Goulart: (Letra e música).

Santa Catarina.

Canção para Martina.

Canção para Tia Geninha.

A Hora da História.

Antônio do lírio e do Menino.

Julião Goulart também é Acadêmico da Academia de Letras do Brasil - Florianópolis, onde ocupa a Cadeira número nº 10, cujo Patrono é o Pintor  Domingos Fossari.


Imprimir